Por mim acabaram as lutas intestinas no Farmácia

Em primeiro lugar porque não têm piada nenhuma para os nossos clientes – que ainda para mais vêem cá para conversarem e contarem das suas maleitas e esperam a simpathetic hear. Se fosse eu, já tinha ido fazer compras para outro blogue, com a quantidade (dentro da quantidade total de posts) de respostas que o Hirudoid, o Panaxginseng e eu damos uns aos outros. Será que não temos mais nada para comentar?! Shame on us!

Querido Hirudoid, malgré a tua obstinação pela não definição ideológica (que acho algo incompreensível, por manifesta intolerância da minha parte com indecisos), eu pela minha parte vou continuar a considerar-te de direita – como faço desde há muito tempo – e, escandaliza-te, mais à direita que eu. Pois é, tenho-te como mais conservador que eu, claro está sem nenhum saudosismo idiota pelo doutor Salazar, mas com alguma concordância com um estado assistencialista. Se te ofendo, olha, tu também andas a dizer que eu defendo o mercado sem qualquer regulação só porque o João Pedro diz que eu defendo isso e, no entanto, não tenho essa posição extrema, como aliás já referi vezes sem conta para não ser mal-entendida. Por mim, amigos como dantes.

Querido Panaxginseng, da próxima vez que quiseres discordar de mim, fá-lo com argumentos válidos. Na nossa interessante divisão de opinião sobre o nível de intervenção do Estado (na economia para ti e na sociedade em geral para mim) não deste qualquer ideia construtiva do que deveria ser o nível de intervenção estatal, rebateste os meus argumentos sem qualquer apresentação de dados, factos ou modelos que de facto os rebatessem, distorceste o que eu escrevi (parece que tivémos uma grande troca de galhardetes por causa do Alan Greenspan sem que eu tivesse feito uma única apreciação do senhor), inventaste dogmatismos na minha posição quando se vê revelado que tu é que acabas por ser bastante dogmático: primeiro era o mercado de factores produtivos, capital e trabalho, que não funcionavam como o mercado dsas laranjas e logo necessitava de intervenção estatal; depois foi o mercado da restauração que também, na Tua opinião, não funcionaria com justiça (novamente a Tua opinião) sem intervenção estatal; e estou convencida que se continuássemos também o mercado das laranjas estaria a precisar de imensa regulação estatal, que são grandes barreiras à entrada no mercado comprar um laranjal e começar a vender as laranjas na feira ou à beira da estrada (e se os vendedores de laranja oferecessem aos clientes laranjas de tamanhos que Tu consideras demasiado grandes ou demasiado pequenas, e ainda por cima os clientes decidissem a adquirir essas laranjas de tamanhos irregulares, como seria?!) E, para terminares em beleza, vens-me com a conversa verdadeiramente absurda de que São Tomás de Aquino (curiosamente o autor preferido daquele economista dógmático – isto é, neo-clássico – que dá pelo nome de César das Neves, que felizmente não lê só Economia) escreveu sobre as falhas de mercado e outros assuntos semelhantes inexistentes no contexto medieval em que STA escreveu. Isto é de uma falta de seriedade intectual gritante e eu já sou trintona e não quero perder tempo com discussões disparatadas cujo objectivo é discutir só para fazer barulho. I´m older than that. A tua falta de respeito pelo texto de STA é semalhante à daqueles que lêem a Bíblia para lá procurarem leituras feministas ou científicas ou para provar a existência de extra-terrestres (questões inexistentes à época). Também podes sempre procurar em STA previsões sobre as convulsões bolsistas que vão existir na segunda metade do sec. XXI. Estou convencida que o problema é da água canalizada de Manila e do constante afastamento da tua cara-metade-laroca. Estas duas coisas dão a volta à cabeça a uma pessoa, os teus amigos percebem-te!

That´s all, folks!

Esta entrada foi publicada em Genéricos. ligação permanente.

Uma resposta a Por mim acabaram as lutas intestinas no Farmácia

  1. panaxginseng diz:

    oh my oh my…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s