E eu, que andava enganado…

De repente ficou tudo mais claro, eu andava enganado… de que valem aquelas leituras nos uultimos anos (nas livrarias nos aeroportos, em transito, e sem ter que pagar um tusto; nao ee que eu seja unhas de fome, mas sofro das costas, e jaa ee um calvaario carregar o laptop dentro da mala que ee pesada, cheia de papeeis para ler entre os copos de vinho no aviao, por isso tenho este mau haabito: sentar-me a ler os livros das livrarias dos aeroportos) escritas pelos directores, ex-directores, presidentes, “continuos”,  conselheiros, senhoras da limpeza, agentes, ex-agentes, o diabo-a-quatro, da CIA, do FBI, do … (nao sei, assim de repente, devem existir mais algumas organizacoes do geenero), a contarem como os que rodeavam o Senhor Bush usavam a oportunidade para empurrar ideias, perdao, oferecer ideias, visoes desinteressadas do belicismo que havia a implementar no poos 7/11, e quem ee que se devia bombarder)… pelo que se vem agora perceber, todos estes testemunhos acertavam no crime, mas nao no motivo…

Entao nao ee que o Bush, e os seus neocons de companhia, mentiram porque queriam era empurrar a sua exposicao a ataques terroristas para longe das suas fronteiras… nao, nao foi qualquer outra coisa, foi… auto-defesa… uma nobre tomada de risco, cheia de coragem… entre meios e fins, tomou-se uma corajosa opcao… os fins justificam os meios… pode nao se gostar dos innuendos (mentiras, conversa fiada, simulacao institucional, diplomacia alarmista, traicao colegial, desastre nacional, etc), mas auto-defesa ee auto-defesa… quem ee que nao compreende auto-defesa? quem ee que nao reconhece alguma legiitimidade, nas accoes dum Presidente que apenas queria manter a guerra longe dos seus compatriotas?!?! E se algueem se queixar dos estragos destes innuendos nas relacoes internacionais e concretamente nos mecanismos institucionais de seguranca internacional (ee melhor nem falar do Iraque),  pode-se sempre argumentar que nao haa laa nada para estragar… o prejuiizo ee limitado pelo facto de que, na haa laa mesmo nada para estragar… o Sr. Bolton ee que tinha razao…

E como o mundo real se divide em bons e maus, e o Saddam era mau, qualquer resultado que livre os iraquianos daquele senhor que mantinha todas as faccoes poliiticas sob controle sem se matarem na rua quotidianamente, tem que ser positico… que importa o caos dos uultimos anos, e a instabilidade resultante no meedio oriente… seraa tudo passageiro, assim que as tropas sairem… volta tudo a calmaria…

Sem qualquer ironia (que ali em cima, atee eiu estava incomodado com o tom), eu acho que a histooria vai julgar estes senhores de forma exemplar, mas nao tenho argumentos… os uultimos anos passaram e eu achava que a interpretacao do retrocesso a que fomos sujeitos era tao oobvia, que nem me dei ao trabalho de manter a “contabilidade em dia”… achei que nao era necessaaria… tonto eu… porque nao soo era desnessaaria, como errada, jaa que nao nos levou a perceber as claras intencoes da administracao Bush…

Esta entrada foi publicada em Genéricos. ligação permanente.

4 respostas a E eu, que andava enganado…

  1. Mário diz:

    Sinceramente nem tive paciência de ler até ao fim uma prosa tão pedante. Primeiro aprenda a ler. Porque se o seu problema não é de leitura só pode ser de ética para deturpar as coisas assim.

  2. panaxginseng diz:

    Eetica…

  3. Carmex diz:

    Panax, tens que começar a utilizar esta tua hiper-crítica, com laivos de crença que tudo o que te rodeia está impregnado de cinismo, às ideias keynesianas. Se calhar percebias melhor como não é boa ideia andar a acerditar em demasia nos Krugmans e quejandos.

  4. panaxginseng diz:

    Porque o senhor ee democrata?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s