Erro de casting

O Kruzes Kanhoto não gostou muito que eu o tivesse escolhido para a minha corrente de livros e autores, para a qual fui tão simpaticamente convidada pelo André A. Correia. Tem toda a razão, que eu devia ter percebido que apesar do seu blogue ser muito divertido não é virado para as literaturas. Fique descansado que eu da próxima vez que lhe passar uma corrente será qualquer coisa do género das quatro cidades árabes que menos gosta, dos 10 ataques do terrorismo islâmico que mais o chocaram, dos três terroristas mais perigosos, dos 5 kheffirs mais desmazelados, das 15 barbas de mullahs mais farfalhudas e a precisarem de barbeiro. De certeza que assim já acerto!

(Só não precisava de ter fingido que não me conhecia ou que nunca comentou o que eu escrevo no Atlântico. Uma pessoa assim fica amofinada!)

Esta entrada foi publicada em Genéricos. ligação permanente.

2 respostas a Erro de casting

  1. Não fiquei chateado e lamento se transmiti essa ideia. O que escrevi foi apenas mais uma tentativa, frustrada pelos vistos, de fazer uma piada. Obrigado pelo destaque e por fazer parte do grupo de dez leitores do meu blog!

  2. Carmex diz:

    Kruzes, eu percebi que não ficou chateado. Estava-me só a meter consigo. E teve piada, sim senhor – como é costume, aliás.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s