Deixem-me partilhar

a propósito da fotografia aqui de baixo: um dos grandes desgostos da minha vida foi nunca ter usado um destes tutus, apesar de uns valentes anos no ballet. Mas as minhas professoras, que de certeza nunca ouviram falar em deixar as crianças e os adolescentes cumprirem os seus sonhos, impunham nos primeiros anos o uso daquelas saias evasé sem roda (e sem piada) em rosa ou em azul e, nos anos seguintes, apenas o uso de maillot. Eram todas, sem dúvida, aparentadas com o Vasco Granja. Umas exterminadoras das fantasias da crianças, era o que eram.

Esta entrada foi publicada em Genéricos. ligação permanente.

2 respostas a Deixem-me partilhar

  1. Só Maria diz:

    oh, que pena Carmex! sonhos por cumprir… poucas coisas são piores!
    pois é, o Vasco Granja acabava sempre por fazer a festa, deitar os foguetes e ir apanhar as canas… não deixava nada para nós! 🙂

  2. Carmex diz:

    Qualquer dia ainda arranjo um tutu num Carnaval, eh, eh…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s