Eu não sei se isto é de gente maluca se de gente que não tem filhos

A problemática (e que promete ser tão feroz como tantas outras que envolva ambientalismo) questão das fraldas descartáveis foi abordada no Times.

Eu nunca experimentei – claro, mas claro que o meu filho usa fraldas descartáveis – mas parece-me que, do que a minha mãe e a minha sogra contam do processo de limpeza das fraldas de pano, o uso de detergentes, de água, de mais detergente e mais água e ainda uns adicionais detergentes e água (a água afinal já não é um recurso escasso?!) para ter fraldas de pano reutilizáveis limpas não deve ser muito mais ecológico de que o processo de tratamento do lixo constituido por fraldas descartáveis. Claro que uma boa solução é a produção de fraldas descartáveis biodegradáveis (as marcas existentes em Portugal não oferecem esta alternativa). Agora não usar de todo fraldas nos bebés (que, bem, tendo em conta a roupa do bebé, do berço, dos pais, dos tapetes onde se senta, etc., etc., que se sujaria com esta opção e que necessitaria de uma vigorosa lavagem e consequente água e detergentes usados, também não me parece muito ecológica, mas isto sou eu…) só de cabeças hippies pouco amigas da higiene.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Alucinógenos. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s