Os Iraquianos votariam em Mccain

“”The Iraqis are really fearful about some of the positions the Democratic Party has adopted,” says Sheik Ahmed Abu Rishah. “If the Democrats win, they will be withdrawing their forces in a very rapid manner.”

Mamoun Sami Rashid al-Alawi, the governor of Anbar province, agrees. “We have over a million casualties, thousands of houses destroyed,” he says. “Are we going to tell [Iraqis] that the game is over? That the Americans are pulling out?”

(…)

the Iraqis came away with a different impression in Chicago, where they had hoped to meet with Mr. Obama but ended up talking to a staff aide. “We noticed there was a concentration on the negatives,” the governor recalls. “The Democrat kept saying that Americans have committed a lot of mistakes. Yes, that’s true, but why don’t you concentrate on what the Americans have achieved in Iraq?””

No WSJ.

Já agora, sobre a visão dos iraquinaos da guerra no Iraque, veja-se a evolução das opiniões aqui. Muito curioso. Sobretudo não se entende porque não dão os iraquianos razão a tanta gente bem pensante que usa a reprovação à guerra do Iraque como uma forma de se considerar a si própria boa, justa, esclarecida, e outras coisas agradáveis (acima de tudo, gente que nunca viveu numa ditadura como a de Saddam hussein, pelo que é muito fácil argumentar pela continuidade dessa ditadura; com o mal dos outros podemos nós bem, como diz o povo).

 

Advertisement
Esta entrada foi publicada em Genéricos. ligação permanente.

2 respostas a Os Iraquianos votariam em Mccain

  1. Mário diz:

    Vamos ver se a “ameaça” de Obama é mesmo para levar a sério. Os democratas ganharam o Congresso e o Senado com a mesma conversa e não fizeram nada para que a retirada se concretizasse. A imagem, nos tempos modernos, é tudo. Uma nova administração americana poderá continuar com a retórica da retirada mas ira adiando-a, por razões técnicas ou lá o que seja, até que a pacificação no Iraque esteja consolidada. Depois poderão dizer não só que estiveram contra a guerra mas também que fizeram a paz.

  2. Carmex diz:

    Mário, sobre a credibilidade que eu atribuo às propostas obâmicas, leia este post que eu escrevi no Atlântico: http://atlantico.blogs.sapo.pt/1251177.html

    Com Obama os americanos correm mesmo o risco de terem as suas tropas no Iraque por 100 anos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s