A visitar (muitas vezes)

Descobri hoje (por sugestão de um desses essejotas) uma página de Jesuítas e amigos (e onde participam, desses jesuítas e amigos, alguns conhecidos, uns amigos e outros que certamente perco imenso por ainda não ter conhecido) e, pelo que li, vale a pena ir lá com frequência:

Essejota.net.

Pelo Filipe Martins sj:

“Já não é a primeira vez que alguém me comenta, meio a brincar mas com um fundo quase de protesto, que nós padres apresentamos muitas vezes uma visão demasiado “cor-de-rosa” da realidade. O que dizemos faz algum sentido e até costuma dar dicas úteis para ajudar a viver o quotidiano. Mas é como se, “no fundo, no fundo”, o “mundo real” fosse diferente, e sobretudo diferente para pior. Desde há muito tempo que esta questão me tem interpelado, a pergunta sobre a “visão mais verdadeira” da realidade. E não como questão teórica, mas exactamente pela sua dimensão prática, ao estar na base de tantas divergências e discussões entre as pessoas: a pergunta sobre “quem é que tem razão” não é mais do que outra formulação deste mesmo tema, o saber quem é que está a “ver melhor” as coisas.”

Esta entrada foi publicada em Genéricos. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s