The devil may not wear Prada but it certainly wears skirts (and probably stilettos)

É o que eu sempre digo: os homens têm dificuldade em racciocinar com clareza perante uma mulher bonita (ou que mostre um indício de cleavage ou umas pernas bem torneadas em cima de uns bons centímetros de saltos; os homens, regra geral, não são esquisitos neste ponto). Sarah Palin chegou e, coitados, os democratas demonstram uma evidente incapacidade para domesticar os seus neurónios fora de controlo. Vejamos.

Barack Obama, em vez de atacar o seu oponente, entretém-se a expor perante os eleitores as contradições da vice do seu oponente (numa estratégia que deu tão bons resultados para Kerry); além disso, teve um comentário no mínimo infeliz sobre “lipstick on a pig“, que inevitavelmente levaria a associações com a piada de Palin na convenção sobre a diferença entre as hockey moms e os pitbulls (baton). Claro que a intenção de Obama não devia ser chamar porca a Palin, mas, como é óbvio, toda a gente fez a associação e se divertiu com isso. Bastaria alguém da campanha ter esclarecido que havia sido uma frase mal escolhida, que lamentavam, mas que não se destinava a Palin, contudo Obama escolheu fazer um discurso sobre o assunto; e como mostra ser daquelas pessoas incapazes de perceber que às vezes não têm razão nenhuma, resolveu revelar-se ultrajado pela falsa indignação dos democratas.

Depois disso, um congressista democrata comparou Obama a Jesus Cristo (atenção, Ratzinger: que, segundo esta ilustre personagem, também era um community organizer) e Palin a Pôncio Pilatos (ambos governadores). O governador de Nova Iorque até conseguiu descobrir ataques racistas de Palin a Obama nas suas palavras (que vão bem ao nervo, por sinal). As mulheres democratas estão também afectadas: uma delas, presidente dos democratas da Carolina do Sul, veio afirmar que a única qualificação de Sarah Palin é nunca ter feito um aborto!

No meio desta confusão sobre elementos femininos, veio o inevitável Biden afirmar que Hillary seria provevelmente uma melhor escolha para VP do que ele, pondo em causa o discernimento de Obama.

Continuem assim, por favor, que tornam o trabalho mais fácil para a dupla McCain-Palin.

Advertisement
Esta entrada foi publicada em Vitaminas. ligação permanente.

3 respostas a The devil may not wear Prada but it certainly wears skirts (and probably stilettos)

  1. Pedro Sá diz:

    Já cá faltava a arrogância sexista.

  2. João Andrade diz:

    O que é cleavage?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s