Erros meus ou má fortuna? Amor ardente não é com certeza.

O que se passa na justiça desportiva e envolventes deste país é deplorável.

Quem devia pugnar pelo respeito das leis deste país é o primeiro que tem pessoal ao seu serviço que, de maneira cobarde e impune, coloca na internet escutas que, por lei, são sempre – e é mesmo sempre, mesmo quando processos já não estão em segredo de justiça (que alás vale o que vale) – de domínio restrito. Sempre.

A comissão disciplinar da Liga, por sua vez, continua sem mandar fumo branco no processo que envolve Hulk e Sapunaru. Um mês já de suspensão preventiva, e nada. Isto admite-se? Isto é justiça? Eu se fosse ao FC Porto passava a factura dos ordenados destes dois jogadores ao Dr. Ricardo Costa. Podia ser que desse corda aos sapatos.

Lady Astor terá dito a  Churchill, «If you were my husband, I’d poison your tea» e ele terá respondido «Madam, if you were my wife, I’d drink it». Ora, exactamente.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Antiparasitários. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s