A minha pátria é a língua portuguesa

Para alguns. Lá pelas bandas do Correio da Manhã é cada tiro, cada melro:

– “tabloide” sem acento agudo.

– “incomodo” quando deveria ser incómodo.

– “tinhamos” em vez de tínhamos (e sobre acentuação ficamos por aqui, pois são tantos os erros, valha-nos Deus…)

– “Ela teve uma conversa à minha rebelia” – juro que é verdade!

– “Devia tar perturbado com os seus negócios” – agora vá, todos ao mesmo tempo, chorem (ou riam) se vos apraz.

Ah grande Hugo Real. E antes que corrijam, carreguei aqui em pdf o print screen

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Ansiolíticos. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s