Páscoa

É início e meta. Paradoxal? Não. Deste Deus que se fez homem, e como homem e como Deus venceu a morte, nada é paradoxal. Ontem, na Vigília, na freguesia onde a celebrei, um estranho em família, pois então, repicaram os sinos da Igreja  aquando do Glória. Há muito tempo que não ouvia tal. Nesse momento acabei um caminho, e iniciei outro. Parecem dois, mas são um só. É sempre um só caminho, nós por vezes é que imaginamos mais do que são. É isto a Páscoa.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Vitaminas. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s