Frágeis equilíbrios – 2

Hoje os holofotes europeus viram-se para a Grécia.

Da festa das estrelinhas em fundo azul nos Jerónimos até hoje, muitas peripécias aconteceram. É certo que os próprios acordos e tratados foram sendo alterados, retalhados e adaptados às circunstâncias, até se tornarem quase ilegíveis. Mas ao primeiro grande desafio, as peripécias passaram a outro patamar: ameaças veladas, chantagens, preconceitos norte-sul, ignorar resultados eleitorais de referendos. Hoje ninguém se entende, já são os países a negociar condições, a confiança perdeu-se.

Afinal, a UE não se tinha fundado em bases sólidas, com regras bem definidas. Não apenas em termos económicos, mas respeitando a diversidade geográfica e cultural e aproveitando-as como um trunfo e não como uma desvantagem. Para isso funcionar, não era preciso tanta burocracia e tanto tecnocrata em Bruxelas. O banco central teria um papel activo e eficaz na supervisão. Com a actual tecnologia, alguns gabinetes eram suficientes, porque os locais de interesse deveriam ser os próprios países e não Bruxelas. Como uma qualquer empresa, há representantes e responsáveis por cada assunto e nível de decisões. Esta flexibilidade também deveria contemplar acordos entre países com interesses comuns. Tudo isto permitia e promovia a participação dos cidadãos, que deveriam conhecer e aceitar as regras do jogo.

Hoje vemos revelar-se afinal o que estava desenhado desde o início mas que ninguém queria admitir: a UE foi construída, não numa cultura de equilíbrio democrático, mas numa lógica corporativa. Os países que estavam bem posicionados, com economias fortes, estavam dispostos a financiar um projecto que lhes trouxesse claras vantagens. Uma organização com esta cultura não resiste a grandes desafios como os actuais.

Podemos, pois, concluir que não foi propriamente para todos os cidadãos europeus que esta Europa foi construída, pois não?

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Analgésicos, Sapatos Ortopédicos. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s